Pai Rico, Pai Pobre

Sobre Pai Rico, Pai Pobre

O livro Pai Rico Pai Pobre é sem dúvidas um Best-seller. Ele ensina como buscar uma vida promissora e independência financeira a partir de bons investimentos. O segredo está em usar táticas sábias e acertadas para garantir o patrimônio.

Um dos pontos que o autor destaca é justamente o fato de que cada ser humano é livre para colocar o dinheiro onde quiser. Pode empregar no que desejar.

O autor fala que cada um de nós determinamos se queremos ser ricos, pobres ou classe média. É justamente o emprego do dinheiro que vai fazer a diferença.

Lições de Pai Rico Pai Pobre

Se você aprender esta lição, você se tornará um jovem sábio, rico e feliz. Se você não aprender, passará a vida culpando um emprego, um baixo salário ou seu chefe pelos seus problemas. Passará sua vida esperando por um golpe de sorte que resolva seus problemas de dinheiro”.

Esta frase:

– O que os ricos ensinam a seus filhos sobre dinheiro

ilustra bem a realidade em que muitos brasileiros se encontram.

 

A falta de educação financeira coloca a maioria absoluta das pessoas em um perigoso piloto automático na vida.

Como resultado disso, a infelicidade no trabalho, dívidas que parece que nunca serão pagas e a sensação de trabalhar hoje para bancar o almoço de amanhã atuam como verdadeiros fantasmas para muita gente.

 


Curiosidade

Uma curiosidade interessante sobre o livro é que o pai pobre do autor não era alguém de baixa escolaridade. Pelo contrário, era um Ph.D que ganhou um ótimo salário a vida toda, mas nunca foi capaz de controlar suas finanças. Tanto é que, com sua morte, a família herdou uma série de dívidas!

Essa história é importante porque ajuda a derrubar um mito de que quanto maior for seu salário, melhor será a sua vida. Isso é verdade apenas quando você toma uma postura proativa com relação a suas finanças.

Aos nove anos, o autor recebeu de seu “pai rico” um conselho que nunca esqueceu: a educação é o fundamento do sucesso. Nada novo, talvez, mas que vale ouro quando se observa que a questão vai além da tradicional educação acadêmica – como bem ilustra o pai Ph.D.

Eu duvido que você não conheça alguém que ganha um bom salário, mas tem dificuldades financeiras e/ou vive esbanjando para manter uma imagem muitas vezes falsa.

A vida bate em todos nós. Alguns desistem. Outros lutam. Alguns aprendem a lição e seguem em frente. Eles recebem satisfeitos os trancos da vida. Para estes, isso quer dizer que precisam e querem aprender alguma coisa. Eles aprendem e prosseguem em frente. A maioria desiste e uns poucos, como você, lutam”, diz o pai rico ao pequeno Robert.

Falar e Sonhar ou… Fazer?

 

Muitas pessoas falam e sonham em ficar ricas. Vocês fizeram alguma coisa.”

Esse foi o elogio que o pai rico fez a Robert e seu amigo Mike quando, aos nove anos, tiveram uma ideia mirabolante, característica da inocência de uma criança, para ficarem ricos.

A busca pela riqueza dos dois foi impulsionada pelo fato de serem os únicos meninos pobres de sua escola. A raiz da mudança veio de um cenário triste, difícil e que muito os incomodava. O medo de permanecer pobre os impulsionou a agir.

Por mais que a ideia – fabricar moedas de dólar a partir da reciclagem de tubos de pasta de dente – fosse, obviamente, ilegal e impraticável, o pai rico valorizou a mente empreendedora dos pequenos.

Via neles a esperança de dois futuros adultos caminhando distante da grande manada ou, como Kiyosaki chama, da corrida de ratos, em que se trabalha cada vez mais para pagar dívidas e remunerar o governo através de impostos.

Use o medo a seu favor

O medo e o desejo, são duas emoções que podem levar à maior armadilha de sua vida caso não tenha consciência de que estão controlando seu pensamento.

Passar a vida com medo, não explorando jamais seus sonhos, é cruel. Trabalhar arduamente por dinheiro, pensando que este comprará aquilo que lhes trará felicidade é também cruel. Acordar no meio da noite apavorado com as contas a pagar é uma forma de vida horrível.”

Em mais uma passagem do livro Pai Rico, Pai Pobre que merece destaque, o pai rico conta:  enquanto os ricos fazem o dinheiro trabalhar para eles, os pobres e a classe média trabalham pelo dinheiro.

Apenas aceitam o pagamento sabendo que eles e suas famílias lutarão com dificuldades financeiras. Mas é tudo o que fazem, esperando um aumento na ilusão de que mais dinheiro resolverá o problema. A maioria se conforma e alguns procuram um segundo emprego, trabalhando mais, mas continuam aceitando um contracheque ínfimo”.


Leia o livro completo aqui.

Pai Rico e Pai Pobre

 

1 thought on “Pai Rico, Pai Pobre

  1. Hoje, eu fui para o praia com meu crianças . Eu encontrei uma concha do mar e deu para minha
    filha de 4 anos filha e disse “você pode ouvir o oceano se você colocar isso no seu ouvido.” Ela Coloque o shell para la ouvido e
    gritou. Havia um caranguejo eremita dentro e ele beliscou
    a orelha dela. Ela nunca quer voltar! LoL eu sei que é totalmente
    off-topic, mas eu precisava contar a alguém!

Deixe um comentário